Produtividade Industrial - Post Acoplast Brasil

Como é de entendimento comum, a produtividade industrial está intimamente ligada aos resultados obtidos, aos lucros conquistados e até à satisfação da equipe com a rotina de trabalho de uma indústria. E é exatamente por conta desses pontos que este conceito é tão importante.

Portanto, a produtividade pode estar atrelada aos equipamentos, funcionários, às rotinas, ao fluxo de atividades de uma empresa, à falta de treinamento, dentre outros vários fatores.

Mas afinal, como faço para garantir um aumento da minha produtividade industrial sem precisar reinventar todos os aspectos da minha indústria ou empresa?

Não se preocupe! Neste post nós daremos a resposta para essa pergunta, a partir de 7 dicas e algumas medidas para que você possa garantir uma melhor produtividade em sua operação. Além, também, de obter resultados mais satisfatórios. 

Lembre-se! Por mais simples que algumas dicas possam parecer, elas são extremamente importantes para que você otimize os seus resultados.

Animados?! Vamos lá!

7 Maneiras de aumentar a sua produtividade industrial

1. Reduza o tempo improdutivo

Existem horários estratégicos em que as técnicas de redução do tempo improdutivo podem fazer maior efeito, são aqueles momentos de pausa na rotina de produção.

As primeiras horas do dia, o período após o almoço e os últimos minutos são, na grande maioria das vezes, momentos em que o trabalhador diminui a produção.

É necessário verificar quais medidas seriam válidas para acabar com este problema, de acordo com a produção de sua empresa.

Rever o quadro de horários de uma equipe pode diminuir determinados períodos em que há maior improdutividade na operação, por exemplo.

2. Implante um sistema de otimização personalizado

A aquisição de um sistema de otimização não é barata. Portanto, esse é um dos maiores problemas de empresas de menor porte na hora de melhorar a sua produtividade industrial.

Entretanto, devemos salientar a importância de obter um controle automatizado do espaço, das tarefas, dos recursos energéticos, do corpo de funcionários e do fluxo produtivo.

Os prejuízos decorrentes de falhas, que param a empresa por dias, são bem mais prejudiciais do que o gasto com um novo sistema.

Para isso, você pode verificar nosso artigo sobre monitoramento de ativos. Neste artigo você entenderá como esse serviço pode otimizar os resultados da sua operação.

3. Invista em treinamento

Quem fornece treinamentos adequados e recorrentes à equipe garante maiores chances de aumentar a produtividade industrial.

Afinal, algumas tarefas precisam ser controladas a todo momento por profissionais capacitados, não é mesmo?

Sabe aquela operação complicada, que precisa de cuidados? Então, criar um treinamento especializado para determinada atividade é uma excelente pedida. Mas não se esqueça de contratar alguém qualificado no assunto.

A fiscalização das atividades dos trabalhadores também ajudam a atualizar treinamentos e melhorar as condições de trabalho nas empresas ou indústrias.

4. Aposte na rápida tomada de decisões

A indústria atual está passando por amplas modificações e, com os sistemas de inteligência artificial e os recursos Big Data, o fluxo de dados está se tornando cada vez mais impressionante.

Mas, como isso pode ajudar a melhorar a produtividade em minha indústria? Simples!

Com maiores quantidade de dados em circulação, você consegue tomar decisões adequadas e bem mais rápidas, garantindo excelentes resultados.

Não se esqueça de contar com uma equipe para interpretar esses dados e fornecer apoio à gerência.

É importante entender que o primeiro passo para tomada de decisões é compreender de forma clara os dados e as informações.

5. Reveja os métodos de operação e os equipamentos utilizados

Todos os métodos utilizados em sua empresa, tanto para a produção em si quanto para a gestão de funcionários, precisam de avaliação e revisão.

Assim, fica mais fácil saber se a estratégia ainda é e está válida após algum período de tempo.

Nossa dica é começar por mudanças pontuais na rotina ou no desenvolvimento das atividades do trabalhador. Você pode até trabalhar com algumas formas de incentivo, que elevam a produtividade da maioria dos funcionários.

Além disso, veja se os equipamentos utilizados durante a operação estão em pleno desenvolvimento.

Acoplamentos, redutores e motoredutores de qualidade são fundamentais para que você tenha melhores resultados produtivos.

Pode parecer besteira, mas a utilização de um acoplamento específico para determinada atividade industrial, faz com que sua indústria otimize todo esse processo e melhore sua produtividade industrial.

Caso você tenha dúvidas sobre o que é um acoplamento e quais são os modelos que podem ser indicados para você e para sua indústria, veja nosso post: O que são acoplamentos? Tudo o que você precisa saber para escolher o elemento de transmissão ideal para sua indústria!”.

6. Fique de olho no fluxo de produção

Entender a produtividade industrial não é simples. Afinal, o processo começa na aquisição da matéria-prima e termina na saída do produto final, comercializado pela empresa.

Recomendamos que você faça revisões de todo o fluxo de produção, desde os primeiros passos.

Mas, cuidado! As observações devem ser realizadas separadamente para cada etapa, garantindo uma análise minuciosa e precisa.

Lembre-se que o importante é planejar as mudanças e fazer uma projeção de cada uma delas, tirando o máximo proveito de todas as implantações e modificações.

7. Aprenda a designar tarefas

É importantíssimo verificar se existem funcionários com quantidades diferentes de tarefas. Em grande parte das empresas, um colaborador fica sobrecarregado, enquanto outro não possui responsabilidades suficientes.

Você deve investir na delegação de tarefas proporcionais para cada funcionário. Portanto, não deixe de avaliar as decisões periodicamente.

O que você está esperando para aumentar sua produtividade industrial?

O aumento na produtividade industrial ocorre aos poucos. Por isso, é essencial apostar em medidas estratégias, principalmente em contato direto com os funcionários, para obter melhores resultados.

Uma das principais razões que impedem uma produtividade alta nas indústrias, são os equipamentos e a maneira como eles são utilizados.

Portanto, ressaltamos mais uma vez sobre a importância da utilização correta e de modelos de qualidade de acoplamentos, motoredutores e redutores.

Além disso, o monitoramento de ativos é um serviço que facilita todo esse processo e analisa quais são os equipamentos que não estão em pleno funcionamento em sua empresa. E o melhor! Tudo isso feito de forma wireless, à distância.

E aí, você ficou com alguma dúvida? Acesse nosso serviço de monitoramento de ativos e busque agora mesmo por melhores resultados!

Deixe um comentário